Golpistas usam nome de advogado para enganarem clientes

O 4º DP de Rio Preto vai investigar um caso em que vários clientes de um escritório de advocacia foram vítimas de golpistas. A denúncia mais recente partiu de um homem, de 59 anos, morador no bairro Ana Célia.

Na Central de Flagrantes, no final da tarde desta terça-feira, 21, ele disse que no período da manhã recebeu uma mensagem no WhatsApp, de um número desconhecido, mas com a foto de perfil do advogado, em que a suposta secretária do escritório solicitou o depósito de R$ 1.998,50 a título de pagamento de taxas em um processo concluso.

A vítima, que tem uma ação de aposentadoria em andamento, acreditou e fez a operação financeira em favor de uma mulher desconhecida.

Pouco depois recebeu um novo pedido, no valor de R$ 4.754,20, e desconfiando que poderia ser um golpe foi pessoalmente no escritório, onde a verdadeira secretária confirmou a fraude e revelou que outros clientes também tinham sido lesados da mesma forma.

Da REPORTAGEM – Dhoje Interior